mancheia

"Livros, discos, vídeos à mancheia! E deixe que digam, que pensem, que falem..."

segunda-feira, maio 15, 2006

Reportagem

Muitos de vocês devem saber que tenho uma banda chamada Vinho Velho. Pois bem, o que poucos sabem é que, além das minhas habilidades mediúnicas (vide o post sobre o Vinícius), eu posso viajar no tempo. Sim, e trouxe, em primeira mão pra vocês, uma reportagem publicada na Folha num futuro próximo. Com exclusividade, só aqui no mancheia.
PODE SER O QUE SERÁ...
por Alice Damasceno Nunes, de Belo Horizonte


A Vinho Velho, depois de 10 anos de estrada e 6 discos gravados, parece enfrentar sua primeira crise interna, depois que ironias foram trocadas publicamente pelos integrantes.

Arthur Petrillo, baixista e um dos compositores da banda, definiu como fútil e imbecil o novo show solo de Alex Manzi.

Depois dos problemas com drogas que o levaram a 3 internações, Manzi não quis declarar nada sobre o fato. Limitou-se a dizer: "Estamos trabalhando para o próximo álbum. E isso é tudo”.

O que se sabe é que o próximo e aguardado disco dos meninos de BH deve ser duplo e pode contar com a participação especial de Tom Zé. O Baiano de Irará fez questão de passar uma semana na capital mineira para participar da parceria que fez com Manzi e Petrillo na canção "Adeus, minha concubina".

Guilherme Chewbacca, estando às voltas com seu primeiro trabalho solo ao mesmo tempo em que coloca as guitarras no novo álbum da banda, só fez aumentar os boatos de fim da Vinho Velho. O guitarrista nunca pensou em carreira solo, mas, diante de tal investida, parece que as coisas não vão bem nas montanhas de BH. Chewbacca, sempre frio e distante da imprensa, começou a soltar ironias no site da banda. Disse que este pode ser o último disco com a banda unida, “como era no começo”.

Depois da morte do baterista dos Cordilheiros dos Andes, Diogo Freire foi tocar com a banda, mas só depois de finalizar as baterias do novo álbum duplo dos mineiros da Vinho. Foi o único que foi explícito: "A tensão está insustentável ali. Ninguém se entende mais. Talvez três bons compositores que antigamente se agüentavam e hoje mal se falam. Viraram profissionais mesmo”.

Diogo já não se sentia muito à vontade desde o incidente com o vocalista Alex Manzi na Praça Raul Soares. Chegou a dizer explicitamente: "não me agrada a idéia de trabalhar com vovôs que pensam que são moleques", numa clara alusão à diferença de idade que separa o vocalista do resto da banda.

É incrível o mistério que ronda a banda que nasceu em 2005 e já gravou 6 discos que foram sucessos de público e crítica. Não se fala nada sobre a situação. O que se sabe sai da boca de Diogo Freire, já desligado da formação e tocando com os Cordilheiros dos Andes. Para os outros integrantes, tudo pode estar normal, apesar de algumas farpas soltas na imprensa. Talvez uma jogada de marketing para aumentar as vendas do próximo álbum (duplo), mas os meninos não precisam disso. O que é certo é que o disco fica pronto em dois meses e deve sair em Novembro. O primeiro solo de Guilherme deve sair em Janeiro e o show solo de Alex Manzi continua na estrada, mas com shows esporádicos.
Ósculos e amplexos para quem for de.
Alex Manzi.

16 Comments:

Blogger Marco Aurélio said...

Manzi

Três internações, Para um cara que nunca experimentou nada até hoje, mostram como tudo pode acontecer em 10 anos. Espero que o old wine supere a crise futura e lance seu sétimo LP.

Coréio

8:17 AM  
Blogger Alex Manzi said...

Coréio, meu véio

Em 10 minutos acontece muita coisa, imagina em 10 anos!

Há mais artigos que coletei sobre a banda. Em breve novas revelações sobre o estado das coisas...

Ósculos Old Wine!

5:12 PM  
Anonymous Alan said...

Irmãozin,

Gostei! Um pouco diferente e causador de sensações estranhas, mas achei seu texto muito legal... diferente... e trágico, né?
Se alguma coisa acontecer devera, eu dou meu testemunho na hora do culto da nova seita que você vai criar!
Abraços!

11:17 PM  
Blogger Carmen said...

Leitores:

Não concordo com a idéia de que o desentendimento entre os membros da banda seja jogada de marketing. Isso é uma especulação das mais inverídicas. Primeiro porque a banda tem seu público fiel, que não apenas tem os seis CD's, mas também os quatro DVDs de shows e entrevistas com os membros - os quais, injustamente, não foram mencionados na reportagem (jornalistinha amador esse! Não conhece nada da história da Vinho!). E depois porque a qualidade do som da banda já caiu nas graças da juventude que não teve a oportunidade de assistir ao começo da banda em BH. Não! Não será por falta de público o fim da Vinho Velho.

E acho lamentável a perfídia dos comentários que tenho lido na imprensa do futuro (tenho máquina do tempo!). Bom seria se o jornalismo musical tivesse o mesmo profissionalismo dos caras da Vinho, que mesmo diante das piores crises na vida pessoal continuam na estrada fazendo um trabalho extremamente inovador e de altíssima qualidade.

Um abraço carinhoso a esses grandes músicos!

10:34 AM  
Blogger Marco Aurélio said...

"Deitado agora em quarto de hotel
Sem ter mais véu
Pra lhe servir de cobertor
Um vinho velho lhe conforta
O calafrio e a canção
Sei no feitio de um poeta fingidor

Saudade é o diploma
De quem tem boca e foi a Roma
Tristeza é mula brava
Corcoveia mas se doma"

1:18 PM  
Blogger Arthur Petrillo said...

Eu só não saio da banda agora pois isso causaria uma desordem do destino. Como no Filme Premonição, algo bem trágico poderia acontecer se eu alterasse a ordem dos fatos. Mas o Alex é realmente uma figura complicada no quadro de funcionários da Vinho Velho International Depressive Culture Music Corporation. Infelizmente esse show solo medíocre e bêbado acontecerá e eu não vou fazer nada para mudar. Músicas cansativas assim como sua futura imagem pessoal que passará de fofinha para arrogante e chata em cerca de cinco anos. Prefiro a frieza do Homem Gelo que será sempre imparcial e com o coração frio e o homem medusa que será sempre o mesmo pimpão....

4:18 PM  
Blogger Pearl Jam said...

Mexer com banda da muito problema é uma coisa complicadissima, é um integrante que nao aparece pro ensaio outro que usa drogas e nao esta bem consigo mesmo fazendo com que quem esta proximo a ele seja prejudicado e sempre brigam é impressionante eu gostaria de saber por que os musicos de uma banda brigam tanto entre si. mais opinioes mrjca@terra.com.br e http://vivademocracia.blogspot.com

9:12 PM  
Anonymous J. Page said...

If I do not worry manzi and plant we are solidary with you. This happens with the best bands. the drugs you go to surpass. I and the coréio surpass you go to obtain!

See you to later

Jimmy Page

5:15 PM  
Blogger Carmen said...

A julgar pelo inglês, já posso imaginar qual seja a verdadeira identidade desse "Pseudopage"... :D

2:21 PM  
Blogger Alex Manzi said...

Alan irmãozin,

A tragédia sempre andou de braço dado com a Vinho Velho. É a banda mais shakespeareana que conheço!

Abraços.

11:06 AM  
Blogger Alex Manzi said...

Carmencita, só um adendo!

Você se esqueceu de citar o dvd que saiu por último, aquele gravado no Madison Square Garden, que veio em edição limitada em uma caixa de veludo vermelho.

O dvd é duplo; no primeiro está a íntegra do show, com participação de David Gilmour no solo de Her Majesty. O segundo traz gravações caseiras e takes alternativos de estúdio, inclusive com o famoso grito de Paul McCartney ("oh, shit!") no estúdio com os meninos da Vinho. Biscoito Fino.

Beijos.

11:24 AM  
Blogger Alex Manzi said...

E eis que Coréio resgata trechos de Viola e Vinho Velho, de Almir Sater e Paulo Simões...

Belíssima canção.

p.s.: veja o post "Quem tem viola não carece de transporte"

11:30 AM  
Blogger Alex Manzi said...

Caríssimo Petrillo,

O show é bêbado sim, mas nunca medíocre. A Vinho Velho International Depressive Culture Music Corporation não tem ligação com as empreitadas solo de Alex Manzi.

Manzi, antropofagicamente, aglutina o que há de melhor!

Abraçocas.

p.s.: pronto. Começaram as farpas na imprensa!

11:43 AM  
Blogger Alex Manzi said...

Caro Pearl Jam

São as complexidades e densidades das relações humanas. Ossos do ofício, meu velho. "To be or not to be? That´s the question!"

Obrigado pela visita. Volte sempre nesse buteco!

Abraço.

11:46 AM  
Blogger Alex Manzi said...

Caro Jimmy

Muito me honra a sua visita aqui. Volte sempre e obrigado pelas dicas de vida.

Hug!

11:50 AM  
Blogger Alex Manzi said...

Carminha

Todos sabem que Page tem um castelo no País de Gales e uma casa de praia na Bahia. De tanto estar nesses lugares, seu inglês foi se transformando em algo subversivo e subvertido.

Acontece com as melhores bandas, mas não se preocupe; isso já é "page" virada...

Ósculos britânicos.

11:53 AM  

Postar um comentário

<< Home