mancheia

"Livros, discos, vídeos à mancheia! E deixe que digam, que pensem, que falem..."

quarta-feira, junho 07, 2006

Estive em Lavras Novas, lembrei-me de você

Estive recentemente em Lavras Novas. Pra quem não conhece, é uma cidadezinha aqui em Minas bem pertinho de Ouro Preto (18 km) e que consegue ser mais fria que a antiga Vila Rica. Quando eu digo fria, não falo da recepção dos nativos não. Refiro-me ao clima gelado que sempre visita o sub-distrito quando ele menos espera.

(E quando menos esperamos, precisamos de tais exercícios de desligamento. Escapar para outras realidades é atividade muito difundida por aí. Por isso o sucesso de Senhor dos Anéis e de Guerra nas Estrelas. É bem certo que podemos estabelecer certas analogias com a nossa realidade, mas a grande maioria admiradora desses universos quer mesmo é se esbaldar longe da pilha de contas pra pagar, né não?

Quando me permito sair correndo nu e molhado em pensamentos, reacendo uma certa esperteza que precisava para lidar com as coisas. Muita gente não vai entender, mas reaparece a vontade de ser esperto em minha lerdeza. Difícil, né? Mas não vou explicar não.)

Voltando às Lavras Novas... Estávamos em um barzinho a bebericar e ouvir boa música quando vi os seguintes escritos no cardápio:

Prezados Clientes,
Pedimos a colaboração para que preservem a paz e o sossego local, não ligando o som dos carros na porta do bar e que não alimentem os cães.
(principalmente um baixinho e loirinho, que atende pelo nome de Bira)
Agradecemos muito pela compreensão.

É sério, caros leitores. E o supracitado sujeito estava lá, a rodear nossas mesas...

Lavras Novas é cidadezinha belíssima, no alto do alto e em algumas partes rodeada de montanhas carinhosas, que insistem em revelar o barulho de águas que não vemos. Ter estado lá mui bem acompanhado foi poético. E ser poético suscita questões transcendentais e existenciais e mudadoras de rumo. Travessia.

Ósculos e amplexos para quem for de.
Alex Manzi.

p.s.: meu Enlevo, este post é pra você: minha fuga real.

15 Comments:

Blogger Marco Aurélio said...

Alex

Quando era mais jovem e estava meio pra baixo, as vezes pegava o carro e ia para Ouro Preto, sentava nas escadarias da igreja do Carmo,tomava umas cervejas e voltava. Costumava dar certo. A única coisa que não era boa era o fato de não ter carteira de motorista na época. Passava cada Arrego. Passei por Lavras novas algumas vezes e acredito que agora que virou "point" já não deve ser legal como nesses tempos. Só não entendi o motivo pelo qual o "barzinho", pede a colaboração para que não alimentem os cães. Estou com vontade de ir lá não colaborar!

Valeu

10:04 AM  
Anonymous Anônimo said...

ja pasei algumas vezes por la mas mto fora de min para lembrar kem sabe um dia volte sobrio para ter oque falar...claro se o nosso senhor Jesus Cristo permitir amen...

Thiago C. Pereira

1:49 PM  
Blogger Alex Manzi said...

Coréio

Fique tranquilo. Guardarei seu segredo. Não contarei a ninguém que você, um educador, deu mau exemplo quando jovem. Sou um túmulo.

Se resolver alimentar os cães de Lavras Novas, dê um grande abraço no Bira.

Ósculos com mestrado em Direção Defensiva.

11:18 PM  
Blogger Alex Manzi said...

Thiaguito

Experimente mesmo passar por lá sóbrio. Tome uma cervejinha de leve naquele gramadinho ao entardecer. Você verá que existem outros tipos de viagem.

Um enorme abraço e volte sempre aqui no meu buteco. Te sirvo uma gelada sempre que voltar.

Cheers!

11:20 PM  
Anonymous Henrique 8ªsérie said...

Alex essa cidadezinha e fria mesmo viu velho....
Nossa nunca mais volto la....
Um Grande Abraço para vc

11:07 PM  
Blogger Alex Manzi said...

Mas, Henrique...

É por isso que lá é tão bão! Calor não tá com nada, bich!

Obrigado pela visita aqui no buteco. Volte sempre.

Abração.

11:22 PM  
Blogger Carmen said...

Eu adoro esses lugares frios e nunca fui a Lavras Novas, mas tenho certeza absoluta de que vou gostar de lá.

Gostaria também de registrar minha simpatia pelo Bira. Espero que a gente se encontre quando eu for lá. E espero também que este encontro seja bem longe do bar onde você estava, para eu poder dar o que eu quiser pra ele. Até sorvete.

Beijo.

6:17 PM  
Blogger Alex Manzi said...

Carmencita

Adoro frio. Às vezes eu penso em morar na Islândia, ou mesmo no Canadá, mas acho que vou sentir saudade do macarrão do Del Luar lá. Então desisto.

Se encontrar o Bira, diga ao meliante que sou simpático ao movimento dele. Só não o alimentei pra fazer uma média com o dono do bar, que me alugou bicicletas ótimas naquele dia.

Ósculos Birísticos.

8:30 PM  
Anonymous Anônimo said...

Oi Alex, amiguinho...

Saudades de você. Andei um pouco sumida daqui, mas "eu voltei, agora pra ficar"... Sempre que faço planos pra ir até Lavras Novas com o Rê, as coisas não caminham. Acho que vou esquecer os planos e sair qualquer dias desses pra lá sem aviso... Tenho ótimas recomendações de lá (O Bruno e a Flávia também já foram e disseram que realmente é um lugar mágico, principalmente quando a companhia também é...) E sendo tão pertinho, não existe mesmo nenhuma desculpa. E quanto ao frio: quanto mais frio melhor...

Beijos no seu coração enlevado...

Gizele.

4:11 PM  
Anonymous Vanessinha said...

Querido irmaozinho,

to querendo dar um pulinho la em Lavras Novas so pra conhecer o Bira, hein? Coisas de Minas!

Grande amplexo!
Vanessinha:-)

10:03 AM  
Blogger Alex Manzi said...

Minha enlevada amiga Gizele

Que bom que voltou, pras coisas que deixou...

Lavras é mesmo muito bacana. Tem um clima romântico, telúrico, mágico, renovador e friorento. Vá de supetão pra lá, sem programar mesmo. Assim fica melhor.

Beijos e volte sempre, como sempre.

6:17 PM  
Blogger Alex Manzi said...

Vanessilda, irmãzinha

Depois do tal post, Bira, muito mineiramente, virou estrela. Agora está fazendo exigências várias pra receber os turistas que por lá aparecem para conferir a loirice dele...

Dando sorte, mande meu abraço pr'ele.

Osculitos.

6:24 PM  
Anonymous Anônimo said...

já estou apaixonada p/L.Novas, o Bira (espero q não seja o pobre do meu cunhado - ele pesa uns 200 kg), o frio e tudo o mais! e nunca fui aí!

6:49 PM  
Anonymous Anônimo said...

O Bira e o pessoal daí mgosta de moda de viola? Se sim, apaixonei mais ainda!

6:56 PM  
Anonymous Anônimo said...

Alex, tb. quero beber uma cervejita geladita no seu butequito! Com o Bira (não o meu cunhado)por perto!

7:01 PM  

Postar um comentário

<< Home